3 de fevereiro de 2017

O que é o Overbooking? Causas | Como Agir | Indemnizações


Recentemente, o Expresso publicou uma notícia sobre o Overbooking, afirmando que este 'fenómeno' deixa todos os dias em Portugal cerca de 32 passageiros, com bilhete pago, em terra. Isto provoca grandes constrangimentos a quem fica sem lugar no avião. Viajar implica uma organização diferente dos nossos horários, da nossa vida. Existem compromissos e gastos, sejam noites pagas num hotel, uma reunião agendada ainda para aquele dia ou um voo de ligação. Vamos tentar perceber juntos afinal o que se passa afinal!


O QUE É O OVERBOOKING?

É quando existem mais lugares vendidos do que aqueles que estão disponíveis no avião. Esta é uma definição lata, pelo que há outros motivos que provocam o overbooking. Contudo, qualquer uma das causas, resulta numa sobrelotação do avião e na recusa de embarque de um ou mais passageiros.


QUAIS AS CAUSAS DO OVERBOOKING?

1. Venda de passagens a mais
É uma maneira da companhia aérea salvaguardar-se de que terá o menor número de lugares vazios possível no avião. É feita uma média dos no shows (quando um passageiro não aparece) que poderão acontecer - tendo em conta voos passados para o mesmo horário e rota - e vendem um determinado número de reservas a mais. Quando corre bem, ganham a dobrar por um assento. Quando corre mal há overbooking, cria-se alguma confusão e terão de pagar indemnizações.

2. Troca imprevista de avião
Quando a troca é feita para um avião com menos lugares. Esta troca pode dever-se a problemas técnicos ou operacionais.

3. Junção ou cancelamento de voos
Quando isto acontece, a companhia até poderá conseguir colocar todos os passageiros noutros voos caso haja disponibilidade. Se não houver, os lugares vagos serão ocupados por pessoas com prioridade. As restantes, até outra solução ser encontrada, ficarão em terra.

4. Embarque de passageiros que perderam as suas conexões
Exemplo: Lisboa - Dubai - Bangkok. O voo entre Lisboa - Dubai sofria um atraso e, ao chegar ao Dubai, teriam perdido o voo para Bangkok. Como os passageiros já se encontram em viagem, a companhia aérea poderá colocá-los noutro voo para o mesmo destino, mesmo que este já esteja lotado. Aí dá-se o overbooking e as pessoas que só iriam embarcar no Dubai, ficariam sem o seu lugar.


COMO EVITAR O OVERBOOKING?

1. Confirmar o voo e reserva no dia anterior à viagem 
Podem fazê-lo no website da companhia aérea, ficando a saber de antemão se o voo foi alterado.

2. Fazer o check-in online o mais cedo possível
Se puderem fazer 24 horas antes, façam. Há pessoas que só irão fazer o check-in no aeroporto e, essas, estão mais vulneráveis a serem vítimas de overbooking.

3. Ser pontual no check-in que só possa ser feito no aeroporto
Sabiam que, às vezes, quem perde o lugar foi quem fez check-in por último? Já agora, embarquem logo que o portão de embarque esteja aberto.


QUAIS AS OBRIGAÇÕES DAS COMPANHIAS AÉREAS? 

Aplicável em voos desde UE (de qualquer companhia aérea) ou voos para a UE (através de uma companhia aérea da UE), Islândia, Noruega ou Suíça. Não é obrigatório ser cidadão europeu para ter direito a uma indemnização.

1. Informar os passageiros a razão do overbooking;

2. Procurar voluntários para ceder o seu lugar em troca de benefícios oferecidos pela companhia;

3. Garantir o embarque noutro voo da mesma companhia e, consequentemente, a sua alimentação, alojamento (se necessário), transporte entre o aeroporto e alojamento, acesso a telefone;

4. Se viajarem em família, têm o direito de continuar a viajar juntos e a obter os mesmos benefícios;

5. Direito a indemnização e reembolso da passagem caso queiram mudar de companhia aérea. Atenção, têm sempre direito à indemnização mesmo que todos os pontos acima sejam cumpridos.


QUAL O VALOR DAS INDEMNIZAÇÕES?

Aplicável a voluntários e a passageiros que viram o seu embarque recusado e lhes foi dada uma alternativa de voo


Entre aeroportos da UE: voos até 1.500 km: 250€ | voos superiores a 1.500 km: 400€ 

Entre aeroportos da UE e aeroportos fora da UE: voos entre 1.500 e 3.500 km: 400€ | voos com mais de 3.500 km: 600€


ESTAR BEM INFORMADO É ESSENCIAL

É imprescindível que estejam bem informados. As companhias aéreas irão fazer os possíveis para desembolsar o menos que puderem, até porque muitas contestam a regulamentação que define os seus deveres. Por isso, devem:

1. Descarregar a aplicação 'Direito dos Passageiros'
Foi criada pela UE e está disponível para Google Android, iPhone, iPad, Windows Phone. Poderá ser o vosso melhor amigo se um dia estiverem numa situação de overbooking, cancelamento ou atraso do voo. Esta app abrange a via aérea, férrea, marítima e terrestre na UE. 

Resumo disponível no website da UE que nos mostra de forma clara se e como devemos agir.

Se após o preenchimento, não obtiverem resposta da companhia aérea ou discordarem da mesma, é possível apresentar queixa à agência de aviação nacional referente ao país onde o problema aconteceu. Se aconteceu fora da UE, numa companhia também da UE, devem fazer queixa à agência do país ao qual pertence a companhia.


EMPRESAS QUE AJUDAM

Caso esgotem todos os meios e precisem de ajuda para receber a indemnização a que têm direito, actualmente existem empresas que prestam esse serviço. A AirHelp e o Reclamador são duas delas.




Fontes: 1 | 2 | 3 | 4

2 comentários:

  1. Post super informativo, obrigada! Aconteceu te alguma vez Carina? Por acaso tenho tido sorte, nem sequer sabia que este fenómeno de overbooking era possível.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Marta! :)
      Felizmente nunca me aconteceu mas é um fenómeno muito comum. Aliás, algo que acontece diariamente e afecta várias pessoas em aeroportos de todo o mundo. Na Europa, o overbooking é permitido mas regulado. Noutros pontos do globo a forma de agir e as regras poderão ser outras. O mais 'interessante' é que as companhias aéreas dificultam sempre o processo de indemnização ao passageiro, mesmo sabendo que estão a incorrer uma irregularidade. A maioria das pessoas desconhece este direito e, por isso, algumas companhias tiram partido disso não prestando o serviço que deviam.
      Beijinhos

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...